quinta-feira, 15 de janeiro de 2009

PRAIA DE SÃO RAFAEL - OS ABUSOS CONTINUAM! ONDE ESTÃO AS AUTORIDADES?

Exmos. Senhores,
Junto envio texto que acabo de receber de um morador em São Rafael, que confirma o que já há muito se previa: um promotor imobiliário, de seu nome CARLOS SARAIVA, conseguiu concretizar, perante a complacência de todas as autoridades envolvidas, a vedação com blocos de pedra do caminho das falésias que permitia o circuito pedonal entre as duas praias de São Rafael!!!
Mas como é que isto é possível?
Então as falésias sobranceiras ao mar são propriedade privada de alguém?
Existem ou não zonas protegidas? Admitindo que existem porque é que não se protegem destes energúmenos?
Com os meus cumprimentos.

Rui Dias Costa


Caríssimos
A meio da tarde fui á falésia de S.Rafael e descobri que já não se passa a pé entre as duas praias devidos aos muros de pedra.
O corte foi feito a partir da velha estação elevatória de esgotos de cor verde estando o muro junto da falésia que desce para o mar. Não se consegue aceder aos pinheiros de S.Rafael do lado nascente, apenas se consegue lá chegar do lado poente, desde o grande estacionamento da praia de S.Rafael.
Fiz hoje telefonemas para a CEPNA da GNR, para a polícia marítima e para a CCDR Algarve.
Fui sempre bem recebido, mas é caricato que estejam a decorrer os autos de averiguação (segundo a polícia marítima) e que as obras continuem em pleno, cortando os acessos pedonais de toda a gente.
Eu nem contesto os enormes muros que alteram para sempre a fisionomia do local. Apenas reclamo o direito de passar a pé ao longo da falésia entre a praia dos Arrifes e S.Rafael.
Pedi a bom amigo natural de Albufeira para me ajudar a sensibilizar as autoridades, e ele vai falar ao PS local, e vai pedir uma reunião com um vereador da oposição. Julgo que tudo ajuda nesta situação.
No fim de semana penso recorrer á TV. Vou seguir os conselhos que me deram e vou escrever talvez á SIC.
Acho que se comete uma ilegalidade ao cortar o acesso pedonal, e devemos lutar contra isso, mantendo o acesso pedonal à falésia do lado dos Arrifes. Os proprietários da Fase III já não conseguem aceder á falésia, pois têm que ir dar uma grande volta e ir ao estacionamento da praia de S.Rafael para aceder à falésia. Apenas podem agora seguir pela estrada rodeada de muros até aos Arrifes.
Fiz mais uma queixa por escrito á CCDR Algarve. Mais uma...a ficar no fundo da gaveta!
Com os melhores cumprimentos,


Comentário FORUM ALBUFEIRA:

O Forum, que continua a acompanhar esta situação com preocupação, acabou de alertar toda a imprensa sobre mais este facto atentador da verdade e da legalidade, como seja usar espaço público a seu belo prazer ou autorizado, o que não sabemos mas gostariamos de saber por quem.

Os cidadãos de São Rafael, que noutras ocasiões já se levantaram e agiram contra outras arbitrariedades, devem, mais uma vez unir-se e protestarem por todos os meios legais.

Qunto às ilusões nos vereadores do PS... se nunca agiram até aqui, haverá alguma coisa a esperar... duvidamos.



EVOLUÇÃO DA SITUAÇÃO:

Falei no sábado com os dois operários que estão a fazer o muro que se prolonga agora para a praia do restaurante a Sardinha. Fiquei a saber que por indicação pessoal do Eng. Carlos Saraiva o muro vai-se estender até à estação elevatória de esgotos junto do estacionamento da praia dos Arrifes. Trata-se de uma construção antiga pintada de cor verde. Ainda deve faltar cerca de 80m de muro, e torna-se ridículo descer à praia dos Arrifes para voltar para trás para ter acesso pedonal á falésia.

A nossa preocupação comum é que bastam agora algumas pedras para bloquear o acesso pedonal em toda aquela área com grandes vantagens para o novo hotel. Se isso acontecer eu irei protestar de novo, pois acho inaceitável que se cortem os acessos pedonais.

S.Rafael irá passar a ser conhecido pelos muros de pedra em socalcos que se erguem por todo o lado.

Vamos acompanhando esta situação.

Com os melhores cumprimentos,

José Drago



O acesso "normal" para as pessoas "normais" já não existe. Pelo que eu vi mantém-se o acesso a uma pequena praia não concessionada que existe ao lado dos Arrifes. Descendo e subindo depois uma íngreme ravina consegue-se ter acesso à zona dos pinheiros de S.Rafael, mas é preciso um bom esforço físico, o que não se aplica a toda a gente. Será isso o acesso pedonal livre que fica? O caminho plano que existia antes despareceu para quem aborda do lado dos Arrifes.

Como eu mencionei eu espero para ver o muro feito para denunciar na TV. Duvido que exista uma entrada pedonal do lado dos Arrifes.

O meu sentido é proporcionar à população um acesso fácil á falésia tal como existia antes, mas fico com dúvidas em relação à rápida progressão das obras.

Como estou de serviço á urgência 5ª e 6ª feira não posso deslocar-me ás obras.

No sábado penso fazer um curto video para mostar as minhas preocupações.

Estou inteiramente disponivel para falar com toda a gente, e vou ligar ao Sr. Luis Alexandre.

Eu assisti ao lançar do muro junto da falésia, e não vi o muro todo feito, pelo que acho que teremos que esperar para ver o muro completo. Acho que no entanto já existe limitação da circulação pedonal neste momento que justifica alertar as autoridades competentes, que afirmam já ter autos a correr.

Com os melhores cumprimentos,

José Drago

5 comentários:

Anónimo disse...

vergonha, vergonha, vergonha, afinal quem manda em albufeira ? Claro o CS que o gelatina não manda nada.

anónimo de cá disse...

O tema CS e as diatribes deste vão ser noticia por muito tempo e façam o que for necessário para desmascarar esta gentinha que o protege. Usam e furam a lei para beneficio proprio e um cidadão não pode fazer uma casa no seu proprio terreno por causa de um tal de Protal e outras determinações.
Este caso a cheira a caso de polícia.

Anónimo disse...

voces dão-se ao trabalho de falar deste caso e o poder continua calado e desta vez não vai responder tambem porque o cs tem as costas quentes ainda não perceberam ?

DiaMantino disse...

Carlos Saraiva e São Rafael hoje no Avante!

Carlos Saraiva volta a atacar em Albufeira
Muros em São Rafael

Os condóminos da velha urbanização voltam aos protestos, acusando o grupo hoteleiro de Carlos Saraiva de vedar o acesso pedonal na arriba, em domínio público marítimo, para conseguir ter uma praia só para uso do novo hotel, construído em condições muito polémicas. Assim se descaracteriza a orla costeira algarvia, com o aval do Governo e o apoio do PSD na autarquia, protesta o PCP.
...
http://avante.pt/noticia.asp?id=27659&area=19

Anónimo disse...

Boa tarde. Estou a fazer um trabalho para a faculdade no ambito da Geologia, mais propriamente acerca das zonas costeiras portuguesas, entre as quais a praia de S.rafael. No trabalho iremos participar num debate com outros grupos e o nosso papel será intervir na defesa dos direitos da população acerca do caso da vossa praia e do grupo Carlos Saraiva. fiquei bastante surpreendido com o que li aqui e gostaria de obter mais informaçoes acerca do caso, se possivel algumas imagens ou mesmo o video de que falam em cima. espero colaborar na divulgação deste caso e creio que mostrando a vossa preocupação na faculdade será feita alguma coisa. deixo o meu email e espero noticias muito em breve. cumprimentos e obrigado.

henrike_rodriges@hotmail.com
goncalo_f777@hotmail.com