sexta-feira, 27 de fevereiro de 2009

A QUESTÃO DOS 10 MILHÕES PARA A EMPRESA” IRMÃOS CAVACOS SA” AINDA MEXE!



fotografia adf

A Comissão nomeada pela Assembleia Municipal, para analisar a pretensão de um reforço de 10 milhões de euros, pedido pela Empresa “Irmãos Cavacos SA”, a pretexto do crescimento da cidade e das novas áreas de intervenção, está prestes a subir as suas propostas para nova discussão.

A contratação de qualquer empresa para este tipo de serviços à comunidade, passa pela realização de um Concurso Público, o que na realidade aconteceu há quase 4 anos atrás.

Tal concurso, ganho por oposição a outras empresas, estabeleceu um prazo contratual de oito anos de vigência o que não se verifica em mais nenhum Município do País, que os fazem por um ou dois anos, com o objectivo de controlar a qualidade do serviço prestado e evitar a conflitualidade.

Imprudentemente, o Executivo da Câmara Municipal de Albufeira, ao estabelecer um Contrato tão longo, pôs-se a jeito para este tipo de exigências, que deveriam estar contempladas nos seus pressupostos.

Não o fez e ainda por cima aprovou sem hesitações, a pretensão da Empresa Cavacos e quando a decisão baixou à Assembleia não contavam com as denúncias públicas do FORUM ALBUFEIRA, que condicionaram a sua aprovação e levaram à criação da referida Comissão de análise.

O argumento base do crescimento da cidade e das zonas a limpar é perigoso e não pode legitimar nem a importância nem os processos. Daqui a 3 anos, ainda antes de acabar o Contrato, esta Empresa recorre aos mesmos argumentos e às mesmas exigências e o Executivo volta a aprovar?

Na realidade, este Contrato, foi planeado para vigorar tantos anos como as intenções de permanência do PSD no poder, o que para além de levantar dúvidas quanto à sua legitimidade, levanta questões de ética.

A Comissão, nas suas sugestões, não pode ignorar as questões apresentadas nem defraudar os interesses e dinheiros da comunidade!

FORUM ALBUFEIRA

4 comentários:

Libertino Metralha disse...

E quem diz que é este executivo que vai estar no poder daqui a 3 anos? E só um reparo... se eu quiser consultar uma acta de uma reunião de Câmara, faço-o no site www.cm-albufeira.pt embora com um atraso de cerca de 15 dias. Agora a verdadeira questão... Porque é que as actas da Assembleia Municipal estão por publicar desde Maio de 2007? Ou serei eu que procuro mal?
Quanto à ultima reunião disponivel na internet repara-se que a 1ª preocupação do Sr. Luis Alexandre foi a seguinte :
– Luís Alexandre – Presidente da ACOSAL, Associação de Comércio e Serviços de Albufeira, apresentando as seguintes três questões para as quais solicitou os esclarecimentos devidos:
1.ª- Por que razão, tendo a ACOSAL apresentado o seu Plano de Actividades para dois mil e oito, não foi a mesma contemplada com qualquer apoio para o desenvolvimento das suas iniciativas? Por que razão já foi também apresentado o Plano de Actividades para dois mil e nove sem que se perceba que, da parte da Câmara, estejam a ser desenvolvidos procedimentos no sentido de se evitar que tal falta de apoio volte a acontecer? Por que motivo o Senhor Presidente, apesar de tal lhe ser solicitado, se recusa a reunir com a associação?
O Senhor Presidente respondeu dizendo:
- que, quanto ao apoio à ACOSAL, não compete à Câmara Municipal participar na elaboração dos documentos previsionais da associação; que esta, ao contrário do que é regra institucionalizada, limita-se a apresentar o seu Plano de Actividades, fazendo questão de não entregar a documentação que a todos os demais é exigida; que, quando o processo estiver devidamente instruído, naturalmente que os pedidos serão objecto de ponderação em condições idênticas a todos os demais; que se for solicitada formalmente a realização de uma reunião, a mesma realizar-se-á sem qualquer problema;

Também perguntou sobre as Prostitutas na EN125 e as Obras do CS - São Rafael.

Mesmo não gostando de ver que a 1ª preocupação foi a parte monetária da Associação em causa fica a pergunta... Sr. Desidério... será mesmo que todas as associações apresentam toda a documentação que é exigida à ACOSAL?

Anónimo disse...

Os Cavacos até se riem da situação e sabem que a Câmara não tem muito por onde ir. A Camara não tem saída e vai deitar-se na cama que fez e os Cavacos mamdam. Não é srs. ...

rosária m. disse...

Se a Assembleia Municipal consentir em aprovar uma verba desta envergadura, nas condições em que foi assinado o contrato de prestação de serviços, estamos perante uma situação de escândalo e desperdício dos dinheiros públicos.
Haja bom senso senhores!

Anónimo disse...

acho que este libertino metralha é muito chatinho deve ser da familia do joãozinho