terça-feira, 17 de fevereiro de 2009

PROPOSTAS DE AJUDA À POPULAÇÃO E ÀS EMPRESAS!



há uma multidão à espera


O FORUM ALBUFEIRA, tem seguido com atenção a evolução dos números da crise económica e financeira que o País e a Região algarvia atravessam, bem como as reacções e medidas que vão sendo tomadas nos diferentes Concelhos do Algarve.

Nos 16 Concelhos algarvios as reacções são diferentes, agem por conta própria e a sua organização central, a CIA/AMAL, não teve qualquer opinião pública sobre esta matéria que domina a actualidade da vida dos portugueses.

O Algarve é uma região altamente exposta à agressividade da crise, estamos longe da abertura da época balnear e os sinais têm uma expressão muito preocupante, dito por presidentes de Câmara, que entretanto tomaram já medidas concretas de criação de Gabinetes de conhecimento e acompanhamento dos problemas dos seus munícipes.

Portimão, Vila Real de Santo António e agora Faro, numa atitude realista de não esperar para ver, avançaram para medidas concretas. O ano eleitoral coincide com a crise, mas estes autarcas preferiram as decisões e as más interpretações, ao imobilismo.

O FORUM ALBUFEIRA, ciente da necessidade urgente de responder às muitas situações existentes no Concelho, já afirmou publicamente o seu apoio à moção da ACOSAL, apresentada ao presidente da Assembleia Municipal e que convida os Partidos ali representados a tomarem medidas.

Sendo o Concelho de Albufeira o mais rico do País e o que tem as taxas mais elevadas sobre os seus munícipes e empresas, tendo um orçamento milionário de 93 milhões e mais 30 milhões em depósitos bancários, é altamente atentatório da dignidade da população a vida sumptuária da Câmara e a sua distracção sobre os problemas. O mesmo para os Partidos com assento na Assembleia Municipal, que devem reparar na vida e necessidades dos seus eleitores!

Os cofres da Câmara têm os recursos financeiros para as respostas. A vontade é que parece adormecida.

O tempo urge, esclarece e não perdoa os distraídos!


FORUM ALBUFEIRA

7 comentários:

Anónimo disse...

Quem é que já apareceu na Assembleia Municipal a reclamar a ideia de um 'gabinete de crise' para os munícipes??

NINGUÉM!!

Ora, ora, basófias tou eu farto!

Palavras, só palavras, escrever é muito bonito e dá fama, às vezes com proveito!

firmino disse...

O Socrates andou a negar a crise e agora estamos levando com ela mais violente do que antes e a Cãmara de albufeira tambem está negando a crise ? Então não pose baixar impostos e taxas para ´quem tem negócios ? Não pode ajudar nas rendas e no preço da água para quem precise nestas sflições ? parece que não valem nada mas são migalhas que ajudam.
Não concordo com esta mania de querermos parecer que somos todos ricos neste concelho porque fama não mata fome aos desempregados.

Libertino Metralha disse...

Deixemos a hipocrisia de parte...
No dia 30 de Janeiro fizeram um post que no meio falava assim:

-----------------------------------

" A decisão do Executivo camarário, de alocar 250.000 euros para subsídios de rendas de casa para quem reunir as condições regulamentadas, não se trata de nenhuma medida nova ou extraordinária, uma vez que já existe o quadro jurídico em que estes apoios são concedidos.

Esta constitui mais uma medida de propaganda política, perante a onda de descontentamento generalizado da população do Concelho que o fará chegar aos Paços do Concelho de forma escrita e oral ou através das Associações Humanitárias.

-----------------------------------

Agora pela comunicação social veio saber-se que Faro disponibiliza 150.000 Euros para habitantes e comerciantes.
Ora fiz uma pesquisa rápida na Wikipedia e esta diz-me que o Concelho e Faro tem 58.739 Habitantes. Fazendo a mesma pesquisa, o Concelho de Albufeira tem 37.244 Habitantes.
Porque razão o Presidente de Faro é heroi por não temer o ano eleitoral e disponibilizar uma média de 2,55 Euros por Habitante e o Presidente de Albufeira é Vilão e uma máquina de propaganda politica quando disponibiliza uma média de 6,71 Euros por Habitante. Claro está que não serão contas simples e os subsidios serão entregues a quem estiver em condições para tal ou tiver cunhas (aqui e em Faro).
Quanto aos Comerciantes, quantos deles registam a 100% tudo o que vendem? Quantos declaram o real valor de facturação da sua empresa?
Nos anos bons declaram 'x', nos anos maus pedem subsidios? Se todos mudar-mos de mentalidade, talvez consigamos ter um Pais e um Concelho melhor.
Há um caso que tenho conhecimento, de um Hotel que até tem uma Boa vista sobre Albufeira em que os funcionários à poucos dias ainda não tinham recebido os ordenados de Dezembro, Janeiro e o Subsidio de Natal, mas o Patrão como se nada fosse com ele lá foi ele mais a sua familia passar 1 mês inteiro ao Brasil, gozando o Natal e Passagem de Ano por terras de Vera Cruz. Este é só um exemplo e nem quero acreditar que sejam todos iguais, mas quantos donos de empresas não fazem igual a este senhor?
Eu cá contento-me todos os anos com férias em Albufeira... A casa já está paga, a praia (por enquanto) ainda não paga imposto e com sorte alguma estrangeira ainda me paga um jantar ou um copo.
Deixemos a hipocrisia de parte...

Anónimo disse...

Este libertino só diz o que lhe interessa, e na investigação não descobriu que Faro tem menos de metade do orçamento da cÂmara de Albufeira ? e que em Faro como agora em lagos se vão baixar o IMI, as taxas de rua ,a água para as familias com dificuldades e mais outras medidas ? Pare lá de bater nos comerciantes que esta câmara levou á falencia nos últimos anos, olhe para os chineses que vão tomando tudo onde os portugueses não conseguem aguentar e com as aldrabices do presidente da cãmara com os estacionamentos pos de cá não se aguentam e os chinese é que vão beneficiar.
Não me atire areia pros olhos que sei para onde vai o seu voto.

carlos

anónimo de cá disse...

Mesmo sendo ano de eleições e correndo riscos de más interpretações, um a um os Municípios algarvios vão reconhecendo as dificuldades dos seus munícipes e adoptando medidas.
A Câmara de albufeira tão rica que é ao contrário da população, continua a esconder-se e a fazer crer para fora que aqui não há problemas.
Eu convido a Câmara a dizer cá para fora a quantidade de pessoas que a procuram a pedir ajuda? Zero?
Então porquê ir para os jornais dizer o qu já acontece há muito tempo que vai ajudar nas rendas ? E isso chega ? Não não chega. Se ficarem á espera para ver no que vai dar podem ter muitas surpresas.
A ver vamos.

Anónimo disse...

coitadinhos dos comerciantes da baixa que só comem a carne e deixam os ossos. já lhes vai cheirando a carne por isso é um corre,corre com os preparativos para durante o proximo mês abrir e no fim da época metem os empregados no fundo de desemprego fecham a portinha e adeus que para o ano há mais.

Anónimo disse...

ao anónimo das 19:14 , gostava de o esclarecer que se Albufeira tivesse menos sazonalidade, tambem haviam mais repostas para o emprego. Alguem está preocupado com o avanço dos chinses ? eles dão emprego ? pagam impostos ? Os portugueses se tivessem condições como há anos para trás, a cidade fez tanta oferta e mais a da guia, que isto não dá já para quase ninguem. Voc~e tem duvidas? eu não.