quinta-feira, 25 de dezembro de 2008

O CONCELHO DE ALBUFEIRA PASSA AO LADO DA CRISE?

Dois Concelhos algarvios, com menor disponibilidade de Orçamento Camarário na divisão pelos seus munícipes, para além de reconheceram a gravidade da crise e prevendo a maneira como vai afectar as camadas mais desfavorecidas das populações, os mais velhos e reformados, os desempregados, os jovens, as familias numerosas e as pequenas empresas, tomaram decisões na criação de estruturas de levantamento, acompanhamento e ajuda efectiva nas soluções dos problemas.

Falamos de Portimão, onde foi a Assembleia Municipal que tomou a iniciativa de comprometer o Executivo e de Vila Real Santo António, onde o seu Presidente promoveu e organizou a ideia.

Em Albufeira, o Presidente Desidério, em duas intervenções públicas, primeiro com os pequenos pais natais e depois com os funcionários mais simples da Câmara, falou de crise para justificar não ter presentes para as centenas de crianças e aos segundos limitou-se a oferecer uma manta de cor laranja e insuspeita.

Este discurso miserabilista, contrasta com o aumento do Orçamento para 2009, que sobe 8 milhões de euros e se cifra num total de quase 93 milhões.

O Executivo fala de crise mas finge não a perceber, da Assembleia Municipal nem uma palavra ou medida e a oposição rosa, com medo que lhe apontem alguma responsabilidade, fica-se pelo silêncio.

Os cidadãos, incluindo funcionários públicos, debatem-se com problemas, todos o sabemos, mas a sua vergonha de aceitar a situação, não só deve ser entendida pelas autoridades como têm de tomar medidas urgentes.

A populaçpão não vai perdoar, se não reagirem e muito menos vamos aceitar que estes problemas sérios sejam usados para fins eleitoralistas.


FORUM ALBUFEIRA

3 comentários:

firmino disse...

A Câmara, para mexer uma palha só pressionada e mesmo assim devemos ter dúvidas. Estão ovados de dinheiro dos contribuintes e usam-no como lhes apetece sem darem contas à população e até à assembleia municipal. Mais sabem eles que há miséria entre a população mas não lhes importa e nem aproveitam para fazerem figura e caça ao voto. Vamos a ver.

Manel do Restaurante disse...

O que me apetece dizer é: afinal onde anda aquele anónimo que fala do perfil fantasma do administrador do site? Então agora já não lhe apetece brincar?

Parece que há assuntos demasiado sérios para si a acontecer em Albufeira, não é?


Pois, seja lá quem fôr o tal o fantasmagórico administrador, parece que não são invenções os assuntos bastante sérios que para aqui traz... ou serão?

É mais do que brincadeira a dor destas pessoas que se contorcem para suportar uma família e para cumprir com todas as suas obrigações.

Anónimo disse...

Eles tambem trabalharam, a assembleia municipal no ínicio do ano não aprovaram uma proposta do PS para baixar o IMI. Se eu pago em 2 prestações 250€ de IMI pela minha casa que é uma simples casa, imaginem a quantidade de casas iguais a pagarem, mais as mansões, e estes gajos vêm falar de crise? eles que tenham mas é vergonha. Para as cofrarias bizarras que aparecem todos os dias para sacar € há sempre dinheiro.