quinta-feira, 21 de agosto de 2008

LIXOS E LIMPEZAS. ESTARÁ A POPULAÇÃO SATISFEITA COM O SERVIÇO PRESTADO?

5 comentários:

Escarpão disse...

Felicitando o Forum por abrir uma nova frente de debate permito-me alguns reparos:
-antes de nos virarmos contra a Câmara(e eu não sou conhecido por a defender) devemos olhar para nós próprios e como muito do mau funcionamento de vários serviços públicos e não apenas da Cãmara de deve também à falta de civismo das pessoas.
Por exemplo o não aderir à reciclagem, colocar o lixo de manhã
e não à noite. Poderia dar vários outros exemplos.
- a altura é mal escolhida pois os serviços estão com a corda esticada ao máximo.
-O inquérito também me parece só apanhar a questão pela rama.
Pois deveria pôr-se sim em causa a própria decisão de privatizar. E a forma como foi feito o contrato.
Se a Câmara tem camiões, tinha e ainda tem pessoal e outro material a apodrecer ao pé do cemitério novo, que na altura tinha
sido comprado há pouco tempo?
A RESIN tem os camiões dela que decerto terão feito com que o contrato se tenha tornado mais caro e logo mais longo.
A questão na minha opinião é tendo em conta estas e outras variáveis mal explicadas se justifica esta tomada de decisão pública?
Como é que votou o Sr Presidente ou será que também saiu da sala?

anónimo de cá disse...

Nesta área nem tudo anda bem no concelho. As ruas estão muito sujas e as pessoas que fazem o serviço de pá e vassoura são poucos e lentos. Há certos lugares que a calçada está um nojo.
É possível fazer melhor.

Anónimo disse...

Não é de estranhar que na época balnear a poluição acompanhe o volume dos veraneantes em Albufeira. Não vejo grandes aglomerados de lixo. Vejo sim é uma grande fraqueza da Câmara em fazer cumprir as leis que na Assembleia Municipal se aprovaram. As ruas de Albufeira não são ruas. São locais de negócio. As ruas de Albufeira contam com uma gestão camarária que não está interessada em dizer "não" a ninguém! E como vai ser ano de eleições, aproveitem rapazes! É ruído... é cadeiras... é mesas... é baldes a reservar lugares... Isto não será lixo, mas incomoda muito e dá aspecto duma cidade desgovernada!

José disse...

Há um fenómeno de poluição que todos sentimos e sabemos e não há coragem de identificar. Chama-se Desidério Silva. Ele polui onde quer, quando quer e com o que quer! É um autêntico operador turístico. E a poluição visual?
Esta medida de poluição dizem-na vocês logo no início do vosso blogue. "Uma vez que não há comunicação!..." Pois. Avezinhas e companhia estão e estarão sempre ao serviço do poder. O jornalista que não preserva a liberdade do seu trabalho devia ser reformado ou reconvertido. A poluição Desidério alastra plas Associações... Só falta uma ou duas cair-lhe nas mãos. E a estas já deu um "ramo" de metal para as poder vir a ter também na mão. Temos muitas Associações e faltam escolas, creches, parqueamentos, jardins dignos desse nome, hospital, horários dignos na câmara, menos carros da câmara ao serviço de particulares, menos familiares com agência de emprego na câmara a começar plo sr. presidente... Em Albufeira poderia dizer-se: vive-se. de facto, melhor! Bora com a poluição.

Anónimo disse...

Mais uma vez os acéfalos arranjam o bode expiatório do programa pólis para responsabilizar a cheia verificada na baixa de Albufeira. Só é pena, para esses, que as praias de Olhos Água, Arrifes e Salgados não tenham tido Pólis também. A "trampa" que em Agosto foi para as praias deve-se aos turistas, não é Senhor Presidente de Câmara? É que o Sr só se vê nos palcos da vaidade, do foguetório e da bacoquice. Porque é que os membros da sua comissão política já todos têm filhos com emprego efectivo na Câmara? É mentira? Quer que lhe diga os nomes? E a pouca vergonha de concubinatos entre os seus vereadores e as suas apoiantes? Também quer os nomes? E os vereadores bébedos? Da próxima a gente abre os olhos a quem anda cego...