terça-feira, 12 de agosto de 2008

A Lei do Ruído pára na Ponte do Barão!

No concelho de Loulé, realizou-se uma acção policial de controle do ruído e pelos vistos não se olhou a nomes e a lugares.
Lei é Lei!
O seu articulado prevê recomendações, excepções e punições. Não fala de excepções territoriais ou de escalão social e financeiro.
Em Albufeira, é a Câmara Municipal que tem a respobsabilidade de aplicar a Lei e avaliar as condições envolventes para passar as licenças.
Portanto, a CMA, é a única responsável por tudo o que se passou no passado domingo e segunda-feira.
A condescendência já vem de longe, em prejuizo dos moradores e visitantes, porque a Câmara dá uma no cravo e outra na ferrdura e a prová-lo está o texto da sua Circular onde, por um lado, diz que vai fazer aplicar a Lei e, por outro, ressalva que este é um concelho conhecido pela animação.
E nós perguntamos: conhecido pela animação ou pelo desrespeito da Lei?
A Câmara é a única responsável por todos os efeitos negativos do evento. Desde o horário, o local, os decibéis até à descabida concorrência.
A promoção da ideia errada que animação é ruído e que à pala de servir meia dúzia, se tem de ofender a imensa maioria, vinda da Câmara Municipal, é um precedente grave e que serve de justificação do abuso por parte de alguns agentes da noite.
O Forum Albufeira afirma a sua intenção de manter a pressão alta sobre as autoridades, recorrendo a todos os meios legais.
Temos vindo a perder batalhas, mas a "guerra" continua. E, possivelmente, podemos vir a surpreender quanto ao tipo de armas a usar no futuro.

Forum Albufeira

2 comentários:

Anónimo disse...

Parece que o Forum já foi chão que deu uvas...A falta de imaginação é de tal ordem que se limita a andar a reboque do Zé d'Albufeira, seguindo-lhe as "dicas". Razão tinha o doutor Carlos Vargas para se demarcar da iniciativa, após um primeiro contacto (conferência de imprensa) onde diz ter-se apercebido de aproveitamento para fins pessoais...
De todos, o único que se salva, pela ponderação, pelo rigor e pela hombridade das suas intervenções, é o senhor Luis Alexandre. Vivó Sporting!
Isidério Silva

anonimo de cá disse...

O pânico instalou-se na Câmara. Depois do péssimo exemplo dado aos agentes da cidade, o presidente e um vereador andaram na rua a acalmar as pessoas. A Lei do ruído não é mesmo para valer em Albufeira.
Força Forum, mesmo que alguns não compreendam a persistencia do vosso blogue no tratamento deste assunto. Já se percebeu que vocês agarram num assunto de cada vez.