segunda-feira, 10 de agosto de 2009

UM PRESIDENTE DE JUNTA APAGADO!


Do conjunto das freguesias do concelho, a que perde mais identidade e se confunde com o trabalho camarário é a da cidade de Albufeira.

Nas outras quatro freguesias que correspondem a outras tantas aldeias, a visibilidade das carências tem outra dimensão e o trabalho realizado ou não, é sentido pelas populações de forma diferente.

Pela sua área e densidade populacional, a cidade exige mais atenção e investimento até por ser a primeira linha de imagem na oferta turística.

As aldeias, duas de linha de costa e duas interiores, desempenham papéis diferentes no contexto da actividade económica principal. Têm frentes de organização e necessidades específicas em quase todas as áreas, desde a habitação à saúde, da segurança à higiene, do ordenamento ao lazer, entre outras.

O desempenho camarário e apesar das promessas distribuídas em eleições atrasadas estão muitas por cumprir, porque as freguesias não têm os poderosos meios financeiros que são canalizados para os cofres da Câmara Municipal.

Esta toma as decisões que lhe convém, usa as receitas dentro dessas conveniências, deixando muitas das necessidades estruturais das freguesias em execução lenta e sempre longe do prometido.

A força da pata camarária é muito grande e quando a côr partidária do Executivo goza de maioria absoluta, as respostas aos problemas concretos e as reivindicações locais são trabalhadas em função dos votos futuros.

Os presidentes de Junta de Freguesia de côr diferente e mesmo os da côr, acabam por entrar nos jogos de poder, na expectativa de cumprirem as suas próprias promessas embora saibam da dependência do poder concentrado no Executivo camarário. A sua capacidade reivindicativa fica reduzida e muitas vezes sujeita a cedências que podem levar a mudanças de opções politico-partidárias...

Na freguesia de Albufeira, a situação é bem diferente na medida em que o seu presidente é um amigo pessoal, confidente e incondicional do presidente da Câmara.

A sua actividade é totalmente subordinada à vontade camarária, não enfrenta problemas financeiros, dizendo há dois anos em entrevista, que a Câmara lhe dava respostas às necessidades de tesouraria, limitando as suas funções aos assuntos correntes burocráticos e de jogos de influências a favor do poder de que faz parte sem quaisquer divergências.

Os amigos são para as ocasiões e este amigo inseparável de Desidério Silva tem gozado das facilidades camarárias, tendo sido alvo de contestação ao montar um restaurante numa moradia transformada e implantada em zona residencial.

A gestão da Junta de Freguesia de Albufeira foi feita como se não existissem problemas concretos sobre os quais o seu presidente se devesse preocupar. Todas as queixas provenientes dos cidadãos nunca incomodaram este presidente obediente, cego, surdo e pouco mudo em sentido contrário.

Foi um presidente apagado, silenciou os protestos dos comerciantes nas inundações, na exigência de estacionamentos e no preço das taxas, na segurança, na venda ambulante ilegal, no desordenamento estético da baixa entre outras matérias, sobre as quais nunca se lhe ouviu uma palavra ou uma tentativa de compreender quem levanta esta sucessão de problemas.

A continuidade de um tal presidente na Junta, representa a continuidade da política que não serve a população da cidade e que os problemas vão continuar a serem geridos em função do chefe e do Partido.

E ainda houve quem defendesse tal personagem para a vereação... e outros, em completo estado de demência, como sucessor de Desidério Silva...


FORUM ALBUFEIRA

28 comentários:

Anónimo disse...

Plenamente de acordo com esta caracterização do actual Presidente da Junta de Albufeira. Gostaria de ver alguém mais activo, com mais qualificações e competências... Cada um tem as que tem. Sem ofensa, acho que este cargo já merece alguém com formação e traquejo mais universalista e menos "compadre".

O Engenheiro disse...

"Cada um tem as que tem. Sem ofensa, acho que este cargo já merece alguém com formação e traquejo mais universalista e menos "compadre"."

Mas que trabalho ingrato, o ser presidente da junta. Se reparar-mos bem podemos pensar que o cargo de Presidente da junta de uma cidado é, só por si, um tremendo tacho, tacho esse que tem a pega pretendida por muitos, tendo para isso lingua solta e argumentação fácil. Sejamos coerentes e vejamos que o cargo de Presidente da Junta de Albufeira sempre foi, e sempre o será, um compadrio brutal. Agora que ninguém cuspa pro ar porque como os processos climatéricos andam, o mais certo é o "escarro" lhe cair em cima lá pra outubro.

Anónimo disse...

O escarro só cai em cima dos eleitores porque a oposição foi e continua a ser uma tristeza. Nas eleições é que vão criticar a tristeza da gestão da junta e dizerem que este ou aquele é que são os bons? Já vão tarde porque o que tem o cú na cadeira goza do trunfo do muito dinheiro... e vai andar ao lado do boss para colher as vénias...

professor

Camarada Silva disse...

O Helder pode não ser um académico, no entanto, é um conhecedor das suas gentes, interventivo e dinâmico na resolução dos problemas da freguesia e até do concelho, logo um bom Presidente de Junta, que é isso que se pede e quer para as nossas freguesias.

Anónimo disse...

Desta vez haverá uma boa alternativa aos "Helderes".É só esperar para ver.

professor João

Salgadinho disse...

Ou muito me engano, ou esta lista à junta de Albufeira que ontem foi apresentada com toda a pompa e circunstância vai ser o primeiro amargo de boca do PSD em Albufeira.

Anónimo disse...

o helder de Sousa, com todo o respeito, é um "pau mandado" nas mão do Desidério, e um "bufo" de vocação, porque não se passa nada que ele não lhe vá contar.
Claro que ele fará o sacrifício de ali ficar mais 4 anos, porque depois o cargo de Presidente da Câmara - com muita sorte - pode-lhe render mais!
Não são de facto académicos, nenhuns deles no PSD passaram além da 4ª. classe, mas... Burros é que eles não são!
(excepção a CSSousa)

Anónimo disse...

Não é só o Hélder de Sousa que não é um bom candidato à junta, como se tem provado por uma gestão ineficaz. Nenhum do PSD tem currículo que sirva para ultrapassar as mazelas que o concelho de Albufeira apresenta.
Leiam a entrevista que o candidato do PS deu ontem ao Região Sul e hoje publicada no blog do Algarve Reporter, e ficam com uma ideia do que um político com uma visão moderna das coisas, sabe colocar o dedo nas feridas desta terra.
Pena é, que cada burro puxe para o seu fardo de palha...
Alcides

António Maria disse...

Alcides, vocÊ e o seu candidato são uns líricos, querem convencer a malta de Albufeira que têm todas as virtudes e visão novas quando o passado do PS é uma vergonha?
E resistirá o rapaz da JS às pressões dos que mandam no concelho e têm mais jogo e influencias no Partido do que esse moço que fala como os meninos de leite? Acorde para a vida porque é muito diferente daquilo que você e osw albufeirenses querem. Este rapaz é diferente do estilo de direita do PS ao nível do país? Acha? só você é que acha.

Anónimo disse...

ainda o actual governo não era nascido e já o Sr Helder tinha implementado o simplex na junta de freguesia de Albufeira.
coisas que antes demoravam 1 ou 2 semanas para serem tratadas, passaram a ser tratadas no próprio dia ou no dia seguinte.
falo por experiencia própria e pelo que ouvi de outras pessoas.
quanto ao restaurante numa zona residencial, tá a incomodar quem? os bares que estão a 100, 200 e 300 metros devem incomodar mais, ou não?
sobre as queixas de comerciantes sobre cheias e estacionamento, não dou opinião porque não sei.
ZORRO

Anónimo disse...

Em relação à lista apresentada é mesmo uma grande bostada, até a filha do DIDI, imagine, Didi na camara, o filho na assembleia e a filha na junta agora só falta a mulher, tem que lhe arranjar um tacho e já agora ao gato e ao cão e ao priquito, se mais tachos ouvesse, mais lá meti, para não falr do sobrinho, um mete nojo que vive à pala o tio, é o que dizem eu não sei de nada.

Anónimo disse...

tambem temos um zorro salvador na cidade o gaz é só para slavar a imagem do presidente da junta?e o resto? despachar papeis a tempos e horas é louvor ou obrigação?e o resto?faltam estacionamentos e por isso os automobilistas têm de deixar os carros em cima dos passeios e não estamos a falar da cidade?pois estamos e a Gnr aproveita para faze rreceita. E o prsedente da junta o que tem a dizer?nada?pois claro!!!!!

carlos

Anónimo disse...

Meus amigos, líricos ou não, burros ou congéneres, espertos ou dissimulados, leiam o que vem no Algarve Reporter, e façam a diferença - se conseguirem - do que é prometer, fazer, e colocar as ideias no lugar, de um programa no sítio certo e na data certa. Estou a falar do candidato do PS, que embora fora da máquina do poder, representa a sua geração política com dignidade.
Quem puder que aprenda.
Luis Guerreiro

Anónimo disse...

Líricos, tásse mesmo a ver. Ainda vais nessa.....

Anónimo disse...

O senhor Helder é um afortunado. Jogou no euromilhões-psd, e saíu-lhe o prémio. Quando sair vai de bolso cheio.
Depois, aqui o Forum só dá cacetada no candidato do PS e ainda não se percebe bem porquê, se diz tão mal do PSD e não apresenta nada que dignifique outras formações políticas!
Onde anda o BE?
Será porque o David não foi nas conversas do Luis Alexandre? O Algarve Reporter é que pode concerteza deslindar isso, porque o Luis escrevia para lá e de repente desapareceu do mapa dos privilegiados do blogue.
Porque terá sido?
Aceitam-se sugestões.

Zé dos Anzóis

Anzóis do Zè disse...

Ele e os filhos e a mulher.....Os outro que anda à volta, nem lhes cheira nada....Uns mamam e outros choram....Grande cambada....

O Homem da Cana de Pesca disse...

Vamos ser sérios. O que é que o homem fez assim de tão mal. Acho que fez um bom trabalho, como se nas outras freguesias e mesmo sendo de cor diferente, acabou por se fazer muito. Não estou a ver onde o Hélder possa sair com tanta massa, para que o homem fique assim tão rico e até não se percebe bem, porque abriu um restaurante, se é assim tão afortunado, mas vale é ir para o Brasil gozar as massas, não acham?

Tenho Dito!!!!!!!!!!!!!! disse...

reesposta ao das 17:30. Quem é que não é académico no PSD? O Rolo não é, a Marlena tb não, o Quintino tb não e os outros que estão na assembleia tb não são, e o que é que isso tem a ver. O Desidério fala muito melhor do que certo dotor que por aí anda meus amigos. Tenho pena que não se eleve a conversa, o nível aqui é mesmo baixo.

Anónimo disse...

Ó... Tenho Dito!!!!!!!!!Disse...

Quanto é que recebes para fazer de advogado do Diabo?
Em géneros (terrenos) ou em cunhas???

Tenho Dito!!!!!!!!! disse...

Mas há alguém a receber coisas dessas?

Zekinha disse...

Realmente não percebo o que certa gente vem para este blog comentar, se nem ler sabem, pois quando os candidatos são apresentados, é apresentado também o corriculum de cada um deles, e ai meus senores pode se constatar quem é ou não academico. se bem que isso muitas vezes não signifique nada.

Anónimo disse...

Meus amigos joguem-se ao mar e digam que os empurrem

Anónimo disse...

É por estas patacoadas que os putos nos mandam à missa EM VEZ DE ACABAR A ESCOLA. Se enriquecer conhecimentos (ser académico não é ter CURSO para ganhar dinheiro, mas para continuar sempre a sê-lo...coisa que muitos não perceberam, e, por isso, não perceberão nunca!) é digno de desconfiança em comparação com o discurso daqueles que dizem há 8 anos sempre o mesmo, então tou numa terra de patos bravos e desenhhadores. Está-se já a ver na vereação mais um papalvo das construções (Engº Sequeira)... Isto não vos faz fazer leituras? O Desidério já vos disse a verdade toda: "tem que acabar o SEU (dele) projecto; precisa dos 4 anos que faltam!" Foi ele que disse e escreveu isto. Mas a esperteza saloia de alguns até nem percebe o que lhe metem pelos olhos adentro. E já agora a verdade é bonita: Rolo, Marlene, Sequeira são todos licenciados! Não comparem o Helder com o Rolo. Isso é não distinguir quem trabalha efectvamente na Câmara e a aguenta...

Anónimo disse...

este carlos deve ter jeito para a politica.
a junta faz o que lhe compete e acha que não se deve elogiar?
quantos anos andámos a perder tempo (antes do Helder)com porcaria de papeis a precisar de uma assinatura que só aparecia 1 ou 2 semanas depois????? e onde estava o sr carlos para avaliar e comentar????
pelo que ouvi, não sei se é verdade, mas voces é que andam a investigar o trabalho dos politicos, devem saber se é verdade que o sr helder tambem resolveu ou tentou resolver alguns problemas de pessoas com poucos ou nenhuns recursos.
agradecia que me falem dos candidatos ao lugar do Sr helder e que apresentem as suas qualidades e curriculo.
eu não voto em ninguem só porque um qualquer candidato ao lugar diz que é melhor que o outro.
o sr carlos se cumprir com as suas obrigações no seu trabalho, de certeza que merece ser elogiado.
ZORRO

Anónimo disse...

Sede de Campanha foi pequena para tanta gente
ENTUSIASMO MARCA APRESENTAÇÃO DE
HÉLDER SOUSA POR ALBUFEIRA

A Sede de Campanha foi pequena para acolher toda a gente que acorreu à apresentação de Hélder Sousa, actual autarca e candidato a novo mandato por Albufeira. Motivação, vontade de trabalhar e disponibilidade para servir a cidade são as bases desta equipa que apresentou caras novas e que promete continuar a trabalhar por Albufeira

Hélder Sousa volta a encabeçar o projecto social-democrata na Freguesia de Albufeira. Eleito há dois mandatos consecutivos, o actual autarca candidata-se a uma terceira eleição naquela que é a maior Freguesia do concelho. A apresentação decorreu na Sede de Campanha que recentemente abriu ao público e que acolheu já a apresentação dos cabeças de lista a todas as Freguesias do Concelho.

Com um discurso marcado pela emoção, Hélder Sousa falou dos seus percurso de vida e do orgulho de servir a cidade que ama e que o viu nascer. Por entre aplausos e muito entusiasmo, Hélder Sousa foi apresentando a sua equipa. Novas caras, muita juventude e igual forma de estar na vida pública: com a humildade e a capacidade de trabalho que lhe é reconhecida.

Antes, já Carlos Silva e Sousa lançara o mote ao referir que esta é uma candidatura de trabalho e humildade, de visão e disponibilidade. Desidério Silva foi ainda mais longe e reconheceu Hélder Sousa como um dos mais importante pilares do projecto social-democrata para Albufeira.

Na Sede de Campanha, ou através do site www.desiderio2009.com (cerca de 300 pessoas acompanharam a apresentação online) regista-se a enorme afluência de gente que quis acompanhar esta apresentação e estar com Hélder Sousa neste importante momento.

//

Anónimo disse...

força Helder desde o 25 de Abril foste um dos melhores que passou pela junta. em Outubro quem ri no fim ri melhor

Anónimo disse...

é pá 300 sócios não garantem a eleição do ex empregado que graças à mudança de cor politica e da junta o fez empresario. e o desiderio elogiou o camarada de armas e baboseiras? olha que espanto que se não casal mais parecem...

concorrente... da restauração

Anónimo disse...

O Hélder é o MAIOR... aldrabão e lambe-botas do clã PSD/ABF.

Depois, há outos, mais jovens ainda...